Paulo Nobre irá cobrar taxa extra aos sócios do clube

Mais uma medida polêmica do senhor Paulo Nobre será realizada. Depois de acabar com o futsal, basquete e cobrar ingressos de crianças até 2 anos no Allianz Parque, o presidente da Sociedade Esportiva Palmeiras está cobrando uma valor de ao todo de 990 reais para a categoria individual e 1584 reais para categoria familiar. O valor será cobrado, segundo o presidente para: ''Áreas destinadas às atividades sociais e esportivas precisam ser terminadas a fim de garantir condições de uso para os associados e funcionários. Ainda são necessárias muitas modificações estruturais para que possamos usufruir dessas dependências de forma plena e apropriada. Essas novas aéreas carecem, por exemplo, de adequação dos seus sistemas elétricos para que suporte a demanda de todos os equipamentos necessários, pisos, forros, iluminação, isolamento das quadras, proteção contra intempéries no edifício esportivo, climatização e mais outras''.




 

Em outras palavras, Paulo Nobre está fazendo reformas num prédio já pronto, usados por muito sócios, comprometendo à saúde de quem o utiliza. Vale ressaltar que o prédio esportivo em tese era de responsabilidade da W Torre, mas a verdade é quem pagará o pato serão os sócios. Ademais, a cobrança das taxas só foram avisadas depois de sua reeleição, ou será que é mera coincidência? Me parece que não. Não adianta nada deixar o futebol no verde e esquecer tolamente da parte social do clube e de seus esportes armadores (Basquete e Futsal). Palmeiras não é só Futebol.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário